Blog da AUGE

Navegue e descubra tudo o que você precisa para alcançar o próximo nível...

Imagem de destaque do Artigo: Faça Apresentações iguais as de Steve Jobs

Faça Apresentações iguais as de Steve Jobs

20/01

Faça Apresentações iguais as de Steve Jobs. Neste artigo, apresentamos algumas estratégias excepcionais que Steve Jobs utilizava nas suas apresentações e que você também pode colocar em prática ao falar em público. CLIQUE NO LINK E CONFIRA!!!

Você já ouviu falar de Steve Jobs? Steve Jobs foi um dos maiores empreendedores que o mundo já viu. Foi o empresário que revolucionou a história dos computadores pessoais, telefones celulares, filmes de animação e música.

Podemos afirmar com absoluta certeza de que grande parte do seu sucesso foi resultado de sua capacidade de se comunicar.

Ele fazia apresentações encantadoras, apresentações pelas quais as pessoas ficavam com vontade de comprar seus produtos e fazer parte daquilo que ele idealizava.

Clique aqui para assistir ao vídeo deste artigo. 

Confira a seguir 3 (três) dicas excepcionais que Steve Jobs utilizava nas suas apresentações e que você também pode colocar em prática ao falar em público.

(1) Emoção e Envolvimento

Steve Jobs tinha paixão em falar do seu produto. Ele falava de forma encantadora com brilho em seus olhos. Imagine como você tem falado com o seu público. Será que você se emociona e se envolve com seu conteúdo?

Se você não tem paixão, não se emociona e nem se envolve com o assunto que está sendo abordado, quem irá se emocionar então?


Aprenda de uma vez por todas a Falar em Público.

(2) Storytelling: Histórias que encantam

Dentro da Storytelling, nós temos o herói, o vilão e um objetivo. No caso do Steve Jobs, o herói de sua história era (é) o seu produto e o vilão era (é) um problema ou necessidade do seu público. O objetivo era (é) resolver as necessidades do seu público com o seu produto.

Nas suas apresentações, verifica-se toda uma narrativa empolgante. O ouvinte era inserido no contexto. E, assim, gradual e automaticamente, a plateia ia se conectando à história. A pessoa se imaginava de posse do produto e com as necessidades resolvidas. Logo, tinha vontade de correr ao encontro do produto.

Resultado: os lançamentos dos produtos eram um espetáculo.

"Lembre-se: histórias geram conexão."

Utilizando-se também de histórias para conexão com seu público, vários políticos formulam narrativas durante seus discursos e, consequentemente, encantam multidões. Na campanha presidencial de 2008, o professor de Harvard, Marshall Ganz, ao treinar Barack Obama, formulou um modelo de narrativa dividido em três etapas. Se bem aplicadas, podem ser úteis para todo e qualquer profissional, independente da área de atuação.

As três etapas eram compostas de "A sua história", "A nossa história" e "A história do Agora".

A primeira etapa - "A sua história" - pode ser considerada como a base para falar as pessoas. Aqui, compartilhar toda sua experiência, sejam positivas ou sejam negativas, é uma forma de contar sua trajetória para se tornar quem se tornou, além de ser uma maneira de as pessoas aprenderem com você. Nada de vitimização e/ou de falsa modéstia. É, verdadeiramente, conectar-se com as pessoas, com a individualidade de cada ser. E explanar como aconteceu a transformação. Que é causa e efeito. Lei do plantio. E as ações de sua história podem servir como aprendizados e atalhos para a pessoa conseguir o que deseja para a vida.

A segunda etapa - "A nossa história" - pode trabalhar os elementos comuns de uma tribo. O que temos de semelhantes? Por que realmente devemos nos importar um com os outros?

Ao estudar a história da humanidade, verifica-se que Grupos, Times, Nações, etc., são formados de valores e objetivos compartilhados entre todos os envolvidos. As pessoas gostam de pertencer a um grupo de pessoas como elas mesmas. Ou seja, gostamos de pertencer a um "meio" como nós mesmos. Então conecte-se "A nossa história" no sentido de todos estarem juntos compartilhando dos mesmos ideais e, ao mesmo tempo, valorizando a história de cada um dos envolvidos.

A terceira etapa - "A história do agora" - chama a tribo (Grupo, Time, Nação, etc.) para uma nova jornada. É uma oportunidade para todos caminharem e vencerem juntos. É criar uma conexão de "Eu já estive e vivi como vocês. Aprendi algo durante minha carreira e concretizei meus objetivos. Não fiz nada sozinho, A união é importante. A dor que senti é a dor que percebo em vocês. Mas podemos melhorar os resultados. Podemos vencer juntos. Inexiste o momento perfeito. O momento é agora. Estamos e vamos juntos..."

Aqui, contamos uma história. Um caso real. Conectamos com nosso público. Fizemos uma conexão genuína. Logo, fazemos um chamado à ação. Um motivo forte para tomar uma atitude agora, pois inexiste momento perfeito. O momento é agora.

Portanto, a sugestão é utilizar de histórias durante seus discursos. Mas, lembre-se, para ser sustentável e gerar engajamento, é preciso ser verdadeiro, contar a verdade sem manipulação de fatos e sentimentos.

(3) Noção de Espetáculo

Tudo conta quando você for fazer uma apresentação.

Se você utilizar um flipchart, é importante observar como escreve ou desenha para que as pessoas consigam entender.

Steve Jobs, além de utilizar o Storytelling, também tinha a habilidade de ativar canais representacionais de seu público. Para isso, utilizava projeções (visual), falava com emoção e envolvimento (sinestésico), contava histórias e utilizava palavras auditivas. Assim, todos ficavam encantados.

No momento da construção de suas apresentações, a sugestão é que você dedique ao máximo para construir o material com um alto grau de excelência. Busque sempre a excelência. A maneira como você se veste e a forma como você deixa seu cabelo ou maquiagem (para mulheres) também conta. Mas tudo depende do seu público. Portanto, a atenção aos detalhes é de extrema importância.

Praticar

Independentemente da área de atuação, quanto mais você treinar, quanto mais você praticar, mais resultados você terá. Irá sair da média. Então, independente da sua profissão, seja ela de A a Z, coloque essas dicas em prática que, com certeza, você alcançará mais e melhores resultados.

Clique aqui e acesse mais conteúdos relevantes como este.

Por Antônio Júnior, Especialista em Gestão Estratégica de Negócios e Master Trainer.

Inscreva-se em nossa NewsletterReceba todas as promoções, novos cursos e eventos em seu e-mail.
Imagem de destaque do Artigo: 6 Passos Simples para Começar no Home Office

6 Passos Simples para Começar no Home Office

6 Passos simples para começar no Home Office. Neste artigo, apresentamos 6 passos simples para que você consiga iniciar no trabalho Home Office de forma prática e produtiva. CLIQUE NO LINK E CONFIRA!!!...

Ver artigo completo
Imagem de destaque do Artigo: A importância do Mapa Estratégico para o Crescimento da Sua Empresa

A importância do Mapa Estratégico para o Crescimento da Sua Empresa

A importância do Mapa Estratégico para o Crescimento da sua Empresa. Neste artigo, apresentamos os principais pontos pelos quais o Mapa Estratégico pode potencializar o Crescimento de sua Empresa. CLIQUE NO LINK E CONFIRA!!!...

Ver artigo completo
Imagem de destaque do Artigo: Procrastinação - Entenda o Porquê Você Não Consegue Parar

Procrastinação - Entenda o Porquê Você Não Consegue Parar

Procrastinação: Entenda o Porquê Você Não Consegue Parar. Neste artigo, explicamos alguns dos motivos pelos quais as pessoas procrastinam e apresentamos 4 (quatro) dicas práticas para que você consiga parar de procrastinar de uma vez por todas. CLIQUE NO LINK E CONFIRA!!! ...

Ver artigo completo