Blog da AUGE

Navegue e descubra tudo o que você precisa para alcançar o próximo nível...

Imagem de destaque do Artigo: O Microgerenciamento está acabando com a sua Empresa

O Microgerenciamento está acabando com a sua Empresa

16/11

O Microgerenciamento está acabando com a sua Empresa. Neste artigo, explicamos sobre o que é, quais as causas e como o microgerenciamento pode prejudicar a gestão da sua empresa. CLIQUE NO LINK E CONFIRA!!!

Conteúdo:

Por mais que a palavra “microgerenciamento” pareça estar se referindo a algo positivo, a verdade é que esse estilo de gestão pode causar impactos negativos para uma empresa.

Se o gestor deseja exercer a gestão de pessoas de forma assertiva, construir uma equipe engajada e que traga bons resultados para a empresa, é de suma importância que ele não seja um microgerenciador.

Neste artigo, explico sobre o que é, quais as causas e como o microgerenciamento pode prejudicar a gestão da sua empresa. Vamos lá?!

O que é microgerenciamento?


O microgerenciamento nada mais é do que o excesso de cobrança e de controle sobre determinada demanda na empresa. Ele costuma acontecer quando o líder de uma equipe controla de forma excessiva os seus liderados. Se trata daquela situação em que o líder do departamento monitora um encarregado e as suas atividades a cada minuto, ou seja, ele é mais chefe do que líder.

Na maioria das vezes, esse líder não microgerencia apenas os funcionários que trabalham na empresa, mas também aqueles terceirizados que trabalham de forma remota ou autônoma.

Alguns exemplos de situações de microgerenciamento são:

  • Querer ser copiado em todos os e-mails;
  • Nenhuma atividade pode ser executada sem antes ser informada e autorizada;
  • Tirar a autonomia dos funcionários, etc..

Causas do Microgerenciamento


Basicamente, existem dois fatores que podem facilitar o “aparecimento” de um líder com excesso de controle. O fator pessoal e o fator organizacional.

Quando se trata do fator pessoal, na maioria das vezes, o líder é uma pessoa insegura e que tem dificuldades para confiar nas pessoas que lidera. Por isso, é uma pessoa com o perfil controlador que crê que somente ela (si próprio) é capaz de executar a atividade corretamente.

Agora, quando se trata do fator organizacional, as coisas podem ficar mais complicadas. Digo isso pois, quando as causas são por conta do fator organizacional, isso pode ser pelo fato de existir a cultura de se controlar tudo e todos. Se esse for o caso, é inevitável não haver instabilidade nos cargos de lideranças. Ou seja, o problema não está em um líder específico, e sim na empresa.

Quais são as consequências do microgerenciamento


Eu imagino que você já pode entender o quanto o microgerenciamento pode ser prejudicial para uma empresa. Mas, caso ainda tenha dúvidas, listei abaixo algumas consequências que podem surgir se o microgerenciamento não for controlado. Confira:

1 - Aumento da rotatividade de colaboradores

Com a sua experiência no mercado de trabalho, me diga qual foi a última vez que você encontrou um colaborador de alguma empresa feliz por estar sendo cobrado de forma excessiva? Com certeza, nunca. Isso porque o microgerenciamento gera funcionários insatisfeitos, e funcionários insatisfeitos não permanecem por muito tempo em empresas assim.

Ou seja, o microgerenciamento aumenta a rotatividade da empresa e faz com que ela acabe perdendo oportunidades de reter colaboradores leais e talentosos, que conheçam bem seus processos.

2 - Redução da produtividade

Independente de qual seja o modelo de trabalho, seja ele feito por meio do Home Office ou seja desenvolvido na própria empresa, o que se espera de uma equipe é que ela seja produtiva. Porém, para que isso aconteça de fato, a verdade é que é necessário permitir que a equipe trabalhe sem tanta exigência e cobrança em cima dela.

Uma equipe que está a todo instante sendo microgerenciada se torna incapaz de produzir com qualidade, ou seja, a sua produtividade cai drasticamente.

A produtividade também reduz pelo fato de o “gestor” estar muito ocupado microgerenciando e deixar de usar seu tempo para focar no que é realmente importante. Agora pense comigo! Imagina se o tempo em que o “gestor” usa para microgerenciar fosse ser usado para capacitar e desenvolver seus colaboradores? Acredito que os resultados seriam completamente diferentes….

3 - Equipe não encara gestor como exemplo

Não só a empresa é prejudicada ao viver uma cultura de microgerenciamento, mas sim o próprio gestor. Isso porque ele passa uma imagem dentro da empresa de incapacidade na gestão de pessoas, afinal, se ele só consegue liderar por meio do autoritarismo, ele não é um bom gestor, quiçá um bom líder.

Como evitar o microgerenciamento?


Essas consequência citadas acima são apenas algumas dentre muitas, ou seja, é vital para a saúde organizacional de uma empresa que ela mande o microgerenciamento para bem longe do seu negócio.

Para ajudar você nessa tarefa, separei algumas dicas primordiais para acabar com o microgerenciamento. Confira a seguir:

1 - Delegar funções aos seus liderados

Uma das formas para deixar de ser um líder microgerenciador é começar a delegar as tarefas para sua equipe. Confie a eles tarefas que possam executar de forma independente. Espere os resultados e avalie o trabalho. Caso não saia como o esperado, faça ajustes nos processos. A chave aqui é confiar e desenvolver seu time.

2 - Melhore a comunicação da sua equipe

Uma comunicação eficaz não se resume apenas em falar, mas sim em ouvir. E saber ouvir é uma das habilidades mais importantes para um líder.

Quando você ouve as pessoas de sua equipe, você torna possível uma comunicação de via dupla, ou seja, sua equipe pode sugerir melhorias a desempenhar que, por sinal, podem proporcionar grandes e melhores resultados. Sempre que se aplica uma gestão colaborativa na empresa é visível a assertividade que esta passa a ter.

A partir daí, a autoconfiança e o sentimento de pertencimento da equipe cresce, já que todos passam a se ver relevantes e importantes para o crescimento do negócio.

3 - Faça uma autoavaliação

Se, durante a leitura deste artigo, você percebeu que talvez se encaixe nas características de um gestor microgerenciador, ou que em sua empresa existe este tipo de cultura, será necessário investir tempo não somente para tornar consciente essa informação para todos como também para mudar a cultura. Lembre-se que isso não é prejudicial para você mas sim para a sua empresa, a sua marca.

Considerações Finais

Deixar de ser um microgeranciador vai proporcionar a você impactos positivos durante toda a sua carreira. Portanto, a sugestão é que você reflita o que precisa ser mudado para, verdadeiramente, se tornar um “Gestor Líder”.

Por mais que a palavra “microgerenciamento” pareça estar se referindo a algo positivo, a verdade é que esse estilo de gestão pode causar impactos negativos para uma empresa.

Gostou desse artigo? Deixe um comentário abaixo e se inscreva em nossa newsletter para receber conteúdos exclusivos.

Por Antônio Júnior, Especialista em Gestão Estratégica de Negócios e Master Trainer.


Inscreva-se em nossa NewsletterReceba todas as promoções, novos cursos e eventos em seu e-mail.
Imagem de destaque do Artigo: 07 Práticas Básicas para Aumentar sua Capacidade de Delegar

07 Práticas Básicas para Aumentar sua Capacidade de Delegar

07 Práticas Básicas para Aumentar sua Capacidade de Delegar. Neste artigo, apresento 07 práticas básicas que farão você aumentar a sua capacidade de delegar tarefas. CLIQUE NO LINK E CONFIRA!!!...

Ver artigo completo
Imagem de destaque do Artigo: Lucro e Faturamento: Saiba a Importância de Entender as Diferenças

Lucro e Faturamento: Saiba a Importância de Entender as Diferenças

Lucro e Faturamento: Saiba a Importância de Entender as Diferenças. Neste artigo, explico a diferença entre lucro e faturamento e de que maneira eles podem ser aplicados na sua empresa. CLIQUE NO LINK E CONFIRA!!!...

Ver artigo completo
Imagem de destaque do Artigo: O Microgerenciamento está acabando com a sua Empresa

O Microgerenciamento está acabando com a sua Empresa

O Microgerenciamento está acabando com a sua Empresa. Neste artigo, explicamos sobre o que é, quais as causas e como o microgerenciamento pode prejudicar a gestão da sua empresa. CLIQUE NO LINK E CONFIRA!!!...

Ver artigo completo